Alopécia (calvície)
O QUE É ALOPÉCIA

Alopécia é a redução parcial ou total de pelos ou cabelos em uma determinada área de pele. O quadro é decorrente de diferentes causas, podendo ter uma evolução progressiva, resolução espontânea ou controlada com tratamento médico.

Quando afeta todo o couro cabeludo é chamada alopécia total, e quando afeta todos os pelos do corpo é chamada alopecia universal.

A alopécia atinge mais homens do que mulheres. No entanto, por seu caráter estigmatizante, a procura por tratamentos é muito mais frequente nas mulheres com queixa de queda de cabelo do que em homens.

Tratamento para evitar a instalação precoce da calvície em homens e mulheres
Alopécia androgênica

A alopécia androgênica, forma mais comum de perda de cabelo, é mais comum em homens que em mulheres.

 

Começa a se manifestar entre a puberdade e vida adulta, associada a fatores genéticos e ao hormônio sexual masculino, a testosterona.

Afeta entre 50% e 80% dos homens caucasianos (brancos). Tem evolução progressiva com a idade, na quinta década de vida pode atingir 40% do indivíduos e 80% por volta da oitava década.

Afeta entre 20% a 40% das mulheres, entre a terceira e quinta década de vida.

Alopécia areata

A alopécia areata está relacionada especialmente a fatores autoimunes e seu agravamento é influenciado pelo emocional.

 

É caracterizada pela perda rápida, parcial ou total de pelos em uma ou mais áreas do couro cabeludo ou ainda em áreas como barba, sobrancelhas, púbis, etc.

 

O renascimento dos pelos pode ocorrer espontaneamente em alguns meses, porém em alguns casos a doença progride, podendo atingir todo o couro cabeludo ou todo o corpo.

Outros tipos

Congênita: ligada a fatores hereditários, com ausência total ou parcial desde o nascimento.

Traumática: após contusões ou lesões do couro cabeludo

Neurótica (tricotilomania): quando o paciente arranca os próprios cabelos de forma consciente ou não

Secundária ou Medicamentosa: após algum distúrbio dos órgãos, doenças ou medicamentos como a quimioterapia

Eflúvio (ou deflúvio): é a causa mais comum de perda de cabelos entre as mulheres, pela quebra harmoniosa do ciclo de vida capilar

Dieta pobre em ferro: o oxigênio não chega em quantidade suficiente ao bulbo, enfraquecendo os fios de cabelo

Alérgica: pessoas alérgicas a glúten, lactose ou caseína são mais propensos a terem calvície.

TRATAMENTO

O primeiro passo no tratamento da alopecia é definir qual a sua causa. Existem diversas possibilidades de tratamento médico, a ser indicada após avaliação clínica. 

 

Importante! 

Problemas de cabelo não devem ser tratados de maneira superficial. Há procedimentos que parecem simples, mas podem causar danos permanentes se forem mal recomendados ou realizados por pessoas sem capacitação. Para que seja feito o correto diagnóstico e a indicação do melhor tratamento para cada caso, agende uma consulta com um médico dermatologista.

A Doutora

DRA. SORAYA ROSSETTI
Médica Dermatologista com mais de 25 anos de experiência

CRM 75.995

  • Formada em Medicina pela Faculdade Santa Casa de Misericórdia de São Paulo - 1992

  • Especialização Médica em Dermatologia - 1996

  • Título de Especialista em Dermatologia pela Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD) e pela Associação Médica Brasileira (AMB)

  • Membro Titular da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD)

  • Membro Efetivo da Sociedade Brasileira de Cirurgia Dermatológica (SBCD)

  • Membro Titular da Academia Americana de Dermatologia (AAD)

  • Membro da International Society of Dermoscopy (IDS)

AGENDE CONSULTA

 

11 4193-5034

11 4191-6739

11 99521-2096 WhatsApp

whatsapp direto.jpg

Edifício Eagle Point

Alameda Araguaia 1293 sl. 607

Próximo ao Centro Comercial de Alphaville

Atendimento de segunda à sexta, das 8h às 19h

2018 por Consutti para Dra. Soraya Rossetti