barra turquza.png
Rosácea
O QUE É ROSÁCEA

Rosácea está associada a hiper-reatividade dos vasos da face, que causa ruborização e surgimento de telangiectasias (vasinhos), normalmente de forma simétrica. Pode causar espessamento firme e elástico do nariz, das bochechas, da fronte ou do queixo. 

É um problema comum, afetando 10% dos indivíduos de pele clara, principalmente mulheres. Em geral, persiste por toda a vida.

Manifesta-se como ruborização transitória da face com elevação da temperatura cutânea em resposta a estímulos térmicos colocados na boca (líquidos quentes), alimentos condimentados, álcool, exposição ao sol e ao calor. Alterações hormonais decorrentes do período da menopausa e fatores emocionais podem agravar a intensidade dos sintomas da Rosácea.  

TRATAMENTO

O tratamento da rosácea é multifatorial. Consiste no uso de fotoprotetores, uso local ou interno de medicamentos como os antibióticos, contraceptivos orais ou terapia de reposição hormonal pós-menopausa, isotretinoína via oral. As aplicações de laser com atividade anti-inflamatória e avidez por pigmentos de hemossiderina intravascular também tem ótimos resultados no controle da ROSÁCEA.         

Fonte: Dermatologia de Fitzpatrick : atlas e texto. Klaus Wolff, Richard Allen Johnson. 

 

Importante!

Problemas de pele não devem ser tratados de maneira superficial. Há procedimentos que parecem simples, mas podem causar danos permanentes se forem mal recomendados ou realizados por pessoas sem capacitação. Para que seja feito o correto diagnóstico e a indicação do melhor tratamento para cada caso, agende uma consulta com um médico dermatologista.

Saiba mais:

 

SOBRE FOTONA® →

 

SOBRE CUTERA XEO®